Cidade Destaques Homicídio Polícia

Dono de telepizza é executado na frente da mulher 

imagem Tv globo

Atirador chegou perguntando se tinha pizza grande; já no centro da cidade, adolescente foi assassinado em briga de gangues

Um homem de 42 anos levou vários tiros na cabeça e no tórax, na noite dessa quinta-feira (24), dentro do imóvel em que funciona o telepizza da família dele, na Vila São José Fagundes, em Lagoa Santa, na região metropolitana de Belo Horizonte.

A mulher de Roni do Nascimento Oliveira contou à Polícia Militar que um homem chegou e perguntou se tinha pizza grande. Ela respondeu que sim e ele disse que ia pegar o dinheiro no carro. Ao voltar, o bandido já chegou atirando contra Roni, que morreu na hora.

O atirador fugiu em um Corsa de cor cinza e ainda não foi identificado e localizado. A companheira da vítima não soube contar aos militares a motivação do assassinato.

Tiroteio com morto e ferido

Em outro ponto da cidade, também nessa quinta, Oséas de Paula Andrade Oliveira, de 17 anos, foi assassinado. Além dele, um jovem de 26 anos foi baleado e socorrido para um hospital da cidade. Em seguida, ele precisou ser transferido para o Hospital Risoleta Tolentino Neves, em Belo Horizonte.

Para a polícia, o jovem se limitou a dizer que os bandidos tinham como alvo Oséas e ele foi baleado porque estava perto. O homem disse desconhecer aos autores dos tiros. Porém, testemunhas disseram à Polícia Militar que foi uma briga de gangues e que os atiradores fugiram em um Voyage.

Ninguém foi preso.

Da redação – Com o Tempo